quebra-de-confiancaNo primeiro caso de Myron Bolitar, Harlan Coben nos faz mergulhar na indústria do sexo e nos negócios escusos por trás da contratação de grandes atletas. Este é um momento importante na carreira de Myron Bolitar. Depois de agenciar alguns atletas pouco conhecidos, ele agora é o empresário de Christian Steele, a maior promessa do futebol americano de todos os tempos. Talentoso, bonito, centrado e carismático, tudo indica que o rapaz também poderá arrematar milhões em contratos de publicidade.

Mas, ao mesmo tempo que vive o auge na carreira, Christian enfrenta um drama na vida pessoal. Um ano e meio atrás, sua noiva, Kathy Culver, desapareceu subitamente e, exceto pelos fortes indícios de que tenha sofrido uma agressão sexual, a polícia não conseguiu descobrir nada sobre sua última noite no campus da Universidade Reston.

Prestes a ser contratado em uma negociação que pode ser a maior de todos os tempos em sua categoria, Christian recebe o exemplar de uma revista que traz a foto de Kathy em um anúncio de disque sexo. Além disso, o caso acaba de ganhar mais um ingrediente de terror: três dias atrás, Adam Culver, pai dela, foi morto em um assalto bastante suspeito.

Agora, com a ajuda de Win, seu melhor amigo, Myron tentará impedir que as notícias sobre a ex-noiva de Christian atrapalhem a carreira do rapaz e irá em busca da verdade – doa a quem doer.

Título: Quebra de Confiança
Autor(a): Harlan Coben
Série:  Myron Bolitar #1

 

Editora: Arqueiro
Ano: 2011
Páginas: 272

O QUE ACHAMOS:

GÊNERO: policial

RESENHA

A partir de hoje sou declaradamente uma viciada em Harlan Coben. PUTA MERDA. Porque eu nunca soube que era tão bom. Porque não li antes….perguntas, perguntas, perguntas. Mas só tem uma resposta, porque sou uma idiota. Harlan Coben dispensa apresentações e comentários. Eu que fui uma inútil e não li. Mas corrigirei meu erro a partir de hoje. Me aguentem, será no café da manhã, almoço e janta….hahaha.

Fique em silêncio e espere que ele mesmo dê corda para se enforcar. Isso funcionava especialmente bem com políticos. Eles nascem com um cromossomo defensivo que não permite o silêncio prolongado.

O livro não me fez ter as sensações que normalmente aprecio num livro, não escondo que sou uma romântica por natureza, então adoro um romance, amor eterno e finais felizes. Esse livro não tem nada disso, instigou áreas diferentes no meu cérebro. O medo, a angustia, o senso de justiça, a curiosidade. Kraio que livro….Amo séries e filmes policiais, mas livro é algo novo no meu script, ou melhor era algo novo.

Bom, nesse livro somos apresentados a Myron Bolitar, ex-atleta, que adotou como profissão ser empresário esportivo, ex federal e digno de protagonizar CSI, Law and Order, Criminal Minds entre outros do gênero. Lindo, intimidante, arrogante e muito sarcástico. Myron me tirou do tédio, da mesmice, da chatice e da….sei lá não lembro mais do que.

Myron. Que droga de nome horroroso. Ele o odiava com todas as forças. Tinha nascido com todos os dedos das mãos e dos pés, não mancava, não tinha lábio leporino nem orelha de abano – assim, para compensar as faltas de infortúnios, os pais lhe deram o nome de Myron.

Meio empresário meio investigador meio justiceiro, Myron me tirou muitas risadas, o homem tem cada tirada que é impossível não se divertir. Se eu o conhecesse não saberia se dava na cara ou beijava na boca… pensando bem, a segunda opção sem dúvida….hahahaha.

Seu principal cliente, tem um futuro promissor e possibilidade de ser o mais novo astro do esporte, cara de bom moço, rosto bonito, talentoso e educado, esse é Christian. Ocorre que Christian se vê envolvido em um grande escândalo, sua noiva desapareceu e ele é o principal suspeito, e 1 ano e meio depois surgem novas pistas. Rede de prostituição, sexo, drogas, mortes e muito suspense.

Havia diversas coisas que Myron gostaria mais do que de visitar Herman Ache. Ter o globo ocular removido com uma colher de sobremesa, por exemplo.

No decorrer do livro outras mortes vão acontecendo, e um grande mistério envolvido que parece sem solução e sem sentido é exposto.

Apesar do jeito sacana e arrogante de Myron, ele tem um coração. Não só para as injustiças como para um grande amor perdido, que espero entender melhor nos próximos livros.

Você usou a palavra ética. E nenhum raio caiu. Deus não existe.

Tenho que tecer meus elogios a narrativa, que apesar de instigar e me deixar com os fios dos cabelos para cima, soube abordar o tema na medida certa, sem exageros, sem estereótipos, sem clichês. Sempre em terceira pessoa, Quebra de confiança é um livro focado, envolvente e extremamente viciante.

Ah…Não posso deixar de falar de Win o parceiro de Myron, o homem é assustador. Fiquei fascinada por seu jeito louco, frio e psicótico. Um lobo na pele de cordeiro. Amei. Louca pelo próximo.

AH….só para que conste, eu não desconfiei do final. Realmente me surpreendeu.

Se recomendo? SIMMMMMM

 

Romântica por natureza, choro, sofro e vivo as histórias e estou com uma vontade imensa de compartilhar essas emoções.

Posts Relacionados

QUEBRA DE CONFIANÇA – Harlan Coben
Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *